• Cefas Alves Meira

Home office: como aumentar sua produtividade

Fernando Felix*



Se você sente dificuldade de produzir e trabalhar bem sem distrações, se entende que estabelecer metas é importante, mas acredita que o caminho até elas é sempre mais torturante do que quando você as estabelece, e ainda reconhece que os seus resultados sejam médios por sentir-se limitado, possivelmente você esteja precisando trabalhar a sua persuasão interna.

Chamo de persuasão interna a habilidade de controlar e convencer a própria mente a fazer o que é preciso. Para isso, é fundamental que você entenda antes o seu estado emocional, de modo a trazer para consciência o que você sente e como pensa, antes de realizar qualquer tarefa.

A capacidade de entender o que você pode controlar faz parte desse processo, algo que os estóicos já faziam bem antes de Cristo. Neste sentido, é importante saber que existem coisas que são possíveis de ser controladas enquanto outras não.

Se você permitir que o seu pensamento divague em possibilidades apocalípticas, nesse momento em que vivemos, será um passo para surtar.

Passar o tempo todo buscando novas notícias e acompanhando a luta política desenfreada que acontece em meio ao caos não é uma boa estratégia.

Nenhuma destas questões está ao seu alcance de ser resolvida, você não tem o controle, com exceção de que pode decidir ser quer ou não continuar vivendo dessa forma.

Sendo assim, dentre as controláveis, encontra-se a capacidade de comandar a mente. A exemplo disso, Daniel Kahneman – psicólogo, teórico da economia comportamental e ganhador do prêmio nobel de economia - que mescla economia com a ciência cognitiva - fala sobre o pensamento rápido e devagar, o que podemos associar à razão e emoção.

O atalho está em utilizar seu pensamento devagar para planejar uma rotina de crescimento durante um período, como a quarentena por exemplo. Coloque tudo na agenda, com horários definidos. Utilize então seu pensamento rápido para executar as tarefas uma a uma até que esteja condicionado e a rotina torne-se algo normal.

Quanto às distrações, procure identificá-las para eliminar cada uma delas.

Passando essa fase você deixará para trás um perfil que sucumbe às armadilhas impostas por si próprio, tornando-se em uma pessoa ainda mais forte em todos os sentidos, físico, cultural e emocional.

A persuasão interna pode ser usada em diversas situações. Negociação, venda de ideias (capacidade de influência), retórica e oratória, assim como atividades de produção em home Office.

A partir do entendimento do seu estado emocional na hora de produzir, novos hábitos são criados, em um ciclo de foco, disposição e realização.

Você passa a perceber quão capaz é de fazer tudo o que é preciso, libertando-se por fim das amarras que o limitavam..

(*) Fernando Felix é palestrante e trainner em persuasão interna e externa para negócios

0 visualização

Receba nossas atualizações!

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco
  • Branca Ícone LinkedIn

© 2020  Criado e desenvolvido por Idear Comunicação.

  • Branca Ícone Instagram
  • https://www.facebook.com/blogdocefas
  • https://twitter.com/cefasalves
  • Branca Ícone LinkedIn