Fenapro prevê retomanda dos negócios na propaganda

15 May 2017

 

Pesquisa da Fenapro (Federação das Agências de Propaganda) aponta que o ritmo de negócios na publicidade deve melhorar após queda no 1º trimestre deste ano.

Levantamento, realizado junto a 223 agências de todo o país, indica perspectiva de melhora no 2º trimestre e ao longo do ano

A primeira pesquisa, relativa ao desempenho do setor entre janeiro e março, realizada em abril último, junto a 223 agências de todo o Brasil, apontou que, na avaliação de 45% dos entrevistados, o ritmo de negócios foi pior do que o verificado em igual período de 2016.

Apesar disso, as perspectivas para o segundo trimestre e também para o ano são positivas e de crescimento para a maioria das agências que participaram da pesquisa.

Segundo 43,23% das agências, a perspectiva é de crescimento do investimento publicitário no próximo trimestre, enquanto percentual semelhante espera que os negócios se mantenham no mesmo patamar, e apenas 14,54% preveem redução.

Entre as regiões do País, o destaque positivo foi o Nordeste, com 42% das agências registrando melhora dos negócios, na comparação com o primeiro trimestre do ano passado, resultado este puxado principalmente por Pernambuco. Já na região Sudeste e no Centro-Oeste, o desempenho foi mais negativo, com 51,6% e 62,5% das agências, respectivamente, declarando piora dos resultados.

Os setores que estão registrando maior investimento em publicidade, segundo a pesquisa VAN PRO, são, respectivamente: serviços (apontado por 53% das agências), indústria, setor público, comércio e imobiliário. 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no
Curta esse
Please reload