top of page
banner-norte-1
  • Foto do escritorCefas Alves Meira

Inconfidência demite Parreiras,95 anos de idade e 75 de rádio



- Meus amigos do grupo. Acabo de ser demitido da Rádio Inconfidência. Estou triste...



Foi como os 78 membros do grupo de Whatsapp Veteranos da Amizade, fundado em BH pelo publicitário José Maria Vargas e que reúne profissionais de comunicação da terceira idade, receberam na tarde desta sexta-feira a notícia de que o locutor Ricardo Parreiras, 95 anos, fora demitido pela emissora. Isso, depois de ter trabalhado 75 anos na Inconfidência, que faz parte da Empresa Mineira de Comunicação (EMC). Deprimido, Parreiras não escondeu sua amargura para os companheiros:


“É, meus amigos... fui pego de surpresa. Estou triste, muito triste... tão querendo acabar com nossa Inconfidência, patrimônio cultural de Minas. Muito triste. Fazer o quê?” se perguntou, num misto de revolta e inconformismo. Além de Parreiras, foram dispensados outros quatro funcionários, entre eles a programadora musical Maria Lúcia Alves Carneiro, a “Lucinha”, com 84 anos e 35 de casa. Fundada em 3 de setembro de 1936, a rádio Inconfidência AM é a emissora mineira mais antiga em operação.


Desmonte

O repórter Lucas Negrisoli, do jornal O Tempo, que deu a notícia em primeira mão pela web, avalia que as demissões podem ser interpretadas como uma tentativa do governo estadual de desmonte da rádio. Fundada em 3 de setembro de 1936, a rádio Inconfidência AM é a emissora mineira mais antiga em operação.


O jornalista destaca que as cinco demissões já estavam programadas pelo governo, amparadas por entendimento do Supremo Tribunal Federal que não assegura estabilidade a servidores não concursados no período de cinco anos antes da promulgação da Constituição Federal de 1988. Mas ao invés de demitir funcionários antigos como Parreiras e Lucinha, a EMC poderia encontrar alternativas, como cargos em comissão no próprio governo, que sempre usa esse subterfúgio para atender pedidos de amigos ou de políticos aliados.


O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, que está tentando reverter a medida na Justiça, ressalta a “estranheza” de que as demissões tenham ocorrido às vésperas do Carnaval. “O clima está péssimo na rádio Inconfidência”, revela Lina Rocha, vice-presidente da entidade e funcionária da emissora.


Ricardo Parreiras entrou para a Rádio Inconfidência AM pouco depois da fundação da emissora, em 1936. Começou como cantor na rádio, mais tarde se firmando como um dos maiores locutores de Minas e do país. Com uma voz privilegiada e marcante, a convite das agências de publicidade mineiras gravou milhares de spots, comerciais e documentários ao longo da brilhante carreira.



16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

댓글


bottom of page