top of page
VOCÊ SABE POR QUE OUVE.png
  • Cefas Alves Meira

Agências de publicidade de BH podem ganhar isenção do ISS



O presidente da CMBH, Gabriel Azevedo, ladeado por André Lacerda e Gustavo Faria. Nas mãos do vereador, a minuta que seria enviada ao prefeito Fuad Noman

Estimular o crescimento do mercado publicitário, incentivando a criação de empregos, a captação de novos clientes e o desenvolvimento de campanhas publicitárias que promovam o município e também o Estado. É o objetivo do pedido, apresentado ontem pelo Sinapro-MG ao presidente da Câmara Municipal de Belo Horizonte, Gabriel Azevedo, reivindicando a não cobrança do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza para empresas que prestam serviços de agenciamento de publicidade e propaganda, inclusive o agenciamento de veiculação.

Na reunião com o presidente Gabriel Azevedo, o Sindicato das agências de Propaganda de Minas Gerais foi representado pelo presidente Gustavo Faria e pelo diretor de Assuntos Institucionais da entidade, André Lacerda. Uma minuta de projeto de lei de imediato elaborada e encaminhada por Gabriel ao prefeito Fuad Noman, por se tratar de matéria de renúncia de receita, que deve ter origem no Poder Executivo. O presidente da Câmara garantiu celeridade na tramitação do projeto, e caso ele seja acatado pelo prefeito, deverá ficar pronto para votação no plenário da CMBH em 30 dias, observou.


Valorização

“Ao indicar ao prefeito Fuad Noman a ideia de um projeto de lei que isenta o ISSQN para o setor, estamos não só valorizando o profissional dessa área em Belo Horizonte, como atraindo para a cidade a capacidade de ser pioneira de uma ideia transformadora, que é o fomento do mercado de publicidade de BH e de Minas Gerais, que outrora já foi muito mais pujante do que é hoje”, destaca Gabriel Azevedo.


O presidente da Câmara frisou que o incentivo é para que o segmento não só se recupere, “mas se reafirme como um ambiente de empreendedorismo, geração de emprego, de renda e riqueza para nossa cidade”.


Protagonismo

O diretor do Sinapro-MG André Lacerda agradeceu a receptividade do Poder Legislativo municipal à demanda: “Quero agradecer pela percepção do presidente sobre a importância de um mercado que mobiliza e produz para todos os outros mercados. Somos um setor que move outros setores, e é muito bom perceber como isso está sendo valorizado pela Câmara, numa iniciativa de voltarmos a ter o protagonismo que já tivemos no passado.”


Já o presidente do Sindicato, Gustavo Garcia, ressalta que Belo Horizonte é uma casa para talentos de comunicação e essa mão de obra deve ser explorada localmente. “BH exporta muita gente para outros mercados, nacionais e internacionais, está na hora de termos ações para manter essas pessoas aqui”, explicou, enfatizando que a isenção do ISSQN “vai valorizar as pequenas e médias agências, possibilitando o seu fortalecimento”.


177 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page